segunda-feira, 20 de abril de 2009

Qual é o meu problema?

Para a eventualidade de alguem ter ficado, no mímino, intrigado com a minha última mensagem, eu explico....

O ano que passou, foi muito, mas mesmo muito mau! Enunciando:

- Começou logo após as 00h de 01/Jan com uma discussão conjugal de 7 horas (que se foi prolongando por mais uns dias...)
- Desemprego (meu)
- Aborto espontâneo (vá-se lá saber porquê...)
- Internamento no hospital...
- Novo internamento de urgência (5 dias...)
- Discussões conjugais todos os meses, incluíndo nos dias no hospital....
- Diagnóstico de cancro da minha Mãe
- Novo internamento meu para intervenção cirurgica
- Agravamento da doença da minha Mãe
- e depois para acabar em beleza, tudo na mesma semana: desemprego do marido, acidente (só danos materiais) do meu Pai e... morte da minha Mãe!

Por isso não hesito em classificar 2008 como o pior ano de sempre...

E é por isso também que, quando em Fevereiro arranjei emprego, e um emprego que finalmente era a minha cara, i.e., que explora todas as minhas reais capacidades e me desafia constantemente, imaginei (erradamente) que as minhas "dores" iriam começar a melhorar....

A verdade é que nada mudou a não ser eu que tenho de todos os dias levantar-me bem mais cedo e chegar a casa bem mais tarde....

É verdade que o trabalho é bom, mas há colegas que têm um gostinho especial em dificultar-nos a vida... e eu não me posso dar ao luxo de "espernear"!!!

Para além disso, em casa ficou tudo igual... ou seja, continuo a ser eu a fazer as refeições, a limpar a casa, a tratar da roupa, a passar a ferro, a cuidar do cão.... só que deixei de ter quase 6 horas livres para o fazer e fiquei só com 3h!!!

Fins-de-semana, são para esquecer: ou tenho que dar conta de toda a lida da casa, ou tenho que ir para o jardim porque ele precisa de ajuda... ou tenho que ir ao meu Pai tratar de alguma coisa (ainda tenho as coisas todas da minha Mãe à espera para lhes dar a volta ...), ou então o meu marido resolve ir ver a bola (e quer sempre a minha companhia...) e passamos 5 horas no café a ver os jogos do campeonato....

Ando há mais de 6 meses para arranjar roupa minha para a poder vestir e simplesmente não consigo arranjar tempo... não consigo sequer arranjar 20 minutos para arranjar as unhas... passo a vida atrasada para alguma coisa... eu saio de um lugar já com 5 ou 10 minutos de atraso para estar noutro lugar....

Adicionando a todo este stress o facto de que provavelmente ainda não consegui fazer um luto suficiente pela minha Mãe porque sou eu é que tenho de ser forte.... Juntando o facto de que o casamento vai de mal a pior, e que não nos procuramos vai pra mais de um mês...

No Sábado passado rebentei....

Bendito carro, que é só meu, e que só vou eu e que posso gritar à vontade...

... e não, não acho que se possa fazer mais nada... só deixar passar...

Só não sei se o destino que esta viagem toma será o melhor....

3 comentários:

  1. Lamentavelmente não podemos ajudar muito, a não ser dizer que estamos aqui para te ouvir, sempre que queiras.

    O meu mail está à tua disposição.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Tenho andado ... tb stressada mas.... qd quiseres apita, juntamos as mágoas e gritamos as duas.

    Beijos e sabes que podes contar comigo caso precises e queiras.

    ResponderEliminar