Avançar para o conteúdo principal

Qual é o meu problema?

Para a eventualidade de alguem ter ficado, no mímino, intrigado com a minha última mensagem, eu explico....

O ano que passou, foi muito, mas mesmo muito mau! Enunciando:

- Começou logo após as 00h de 01/Jan com uma discussão conjugal de 7 horas (que se foi prolongando por mais uns dias...)
- Desemprego (meu)
- Aborto espontâneo (vá-se lá saber porquê...)
- Internamento no hospital...
- Novo internamento de urgência (5 dias...)
- Discussões conjugais todos os meses, incluíndo nos dias no hospital....
- Diagnóstico de cancro da minha Mãe
- Novo internamento meu para intervenção cirurgica
- Agravamento da doença da minha Mãe
- e depois para acabar em beleza, tudo na mesma semana: desemprego do marido, acidente (só danos materiais) do meu Pai e... morte da minha Mãe!

Por isso não hesito em classificar 2008 como o pior ano de sempre...

E é por isso também que, quando em Fevereiro arranjei emprego, e um emprego que finalmente era a minha cara, i.e., que explora todas as minhas reais capacidades e me desafia constantemente, imaginei (erradamente) que as minhas "dores" iriam começar a melhorar....

A verdade é que nada mudou a não ser eu que tenho de todos os dias levantar-me bem mais cedo e chegar a casa bem mais tarde....

É verdade que o trabalho é bom, mas há colegas que têm um gostinho especial em dificultar-nos a vida... e eu não me posso dar ao luxo de "espernear"!!!

Para além disso, em casa ficou tudo igual... ou seja, continuo a ser eu a fazer as refeições, a limpar a casa, a tratar da roupa, a passar a ferro, a cuidar do cão.... só que deixei de ter quase 6 horas livres para o fazer e fiquei só com 3h!!!

Fins-de-semana, são para esquecer: ou tenho que dar conta de toda a lida da casa, ou tenho que ir para o jardim porque ele precisa de ajuda... ou tenho que ir ao meu Pai tratar de alguma coisa (ainda tenho as coisas todas da minha Mãe à espera para lhes dar a volta ...), ou então o meu marido resolve ir ver a bola (e quer sempre a minha companhia...) e passamos 5 horas no café a ver os jogos do campeonato....

Ando há mais de 6 meses para arranjar roupa minha para a poder vestir e simplesmente não consigo arranjar tempo... não consigo sequer arranjar 20 minutos para arranjar as unhas... passo a vida atrasada para alguma coisa... eu saio de um lugar já com 5 ou 10 minutos de atraso para estar noutro lugar....

Adicionando a todo este stress o facto de que provavelmente ainda não consegui fazer um luto suficiente pela minha Mãe porque sou eu é que tenho de ser forte.... Juntando o facto de que o casamento vai de mal a pior, e que não nos procuramos vai pra mais de um mês...

No Sábado passado rebentei....

Bendito carro, que é só meu, e que só vou eu e que posso gritar à vontade...

... e não, não acho que se possa fazer mais nada... só deixar passar...

Só não sei se o destino que esta viagem toma será o melhor....

Comentários

  1. Lamentavelmente não podemos ajudar muito, a não ser dizer que estamos aqui para te ouvir, sempre que queiras.

    O meu mail está à tua disposição.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Tenho andado ... tb stressada mas.... qd quiseres apita, juntamos as mágoas e gritamos as duas.

    Beijos e sabes que podes contar comigo caso precises e queiras.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Quinta-Feira da Ascensão

Hoje, se ainda estivesse em Portugal, estaria de Folga!!!! É Dia da Espiga!!!
Desde que fui morar para o campo, que sempre que posso, vou apanhar a Espiga neste dia!!! E este era mesmo um dos costumes que gostaria de passar à Catarina!! É delicioso, nesta altura do ano, já em plena Primavera, ir pelo campo fora à procura dos elementos todos que compõem este delicioso ramo, para depois o pendurar atrás da porta!
Como este ano não dá.... "penduro-o" neste cantinho, com o secreto desejo que ele me dê sorte!

Keep Calm.... que eu hoje vou ser Tia!!!!!

Mãe,

Hoje voltas a ser Avó!!!! A tua segunda Neta vai nascer! Mas quis a vida que nem os teus braços, nem os meus lá estarão para a acolher.....

Duas meninas!!!! Como irias ser feliz se as pudesses pegar ao colo....... Se lhes pudesses fazer todos os vestidinhos com todos os lacinhos que se pudesse imaginar!!!!!!!!!!!!

Os quartos com todo o cor-de-rosa possível..... todo um enxoval a combinar!!!!!

Mas não é.......

E eu... aqui longe, com o coração apertado porque  não consigo lá estar também... para lhe dizer: Bem Vinda Inês, sou a tua Tia e estarei sempre aqui para ti!

Como é difícil estar tão longe com esta sensação no coração, prestes a explodir, e não poder fazer nada..... ainda por cima, com um Irmão tão sensível... que em vez de ir mandando notícias, acha que tudo nos pode passar ao lado, sem que as nossas emoções se sobreponham......

Rais'partam!!!!!


Esperar 3 meses para ver a minha Sobrinha...... vai doer, vai doer!!!!

Mas agora...... todos os nossos pensamentos (teu e meu…

O Princípio do Fim...

.... Foram meses em que a ideia navegou na minha mente.... nunca falada, nunca partilhada, nunca admitida...

Sou daquelas que acha que um casamento não pode ser um contrato que facilmente de rescinde! Um casamento é uma partilha de vida, e como tal, é difícil, tem obstáculos, tem acidentes, tem muito, muito esforço!

E tem que ter!!! E é disso que se constroem os alicerces de uma vida em comum e que passamos aos nossos filhos, explicando-lhes que as coisas não são fáceis e que é necessário muita perseverança para  andarmos em frente!

Mas nos últimos tempos, as minhas convicções têm sido bastante abaladas pelos desmoronamentos à minha volta. E quando me explicam que por muito esforço e dedicação que entreguemos à nossa família.... existe sempre, mas sempre o direito de sermos felizes! E que a vida não pode ser tão castradora de felicidade como por vezes se apresenta.

É verdade, eu sei.... mas sempre achei que depois da tempestade vem a bonança! E que ultrapassadas as crises, o amor sai …